Fechar
NEWSLETTER
4 motivos para investir em energia solar
Fechar
O setor de energia fotovoltaica no país está avançando rapidamente rumo à substituição da matriz energética brasileira, hoje dominada pelas usinas hidrelétricas.

Se você tem interesse em ter conhecimento sobre os custos com energia da sua empresa e contribuir para o meio ambiente, é hora de ficar atento às vantagens oferecidas pelo Grupo Léros.

Confira abaixo as razões para substituir a matriz energética de sua empresa:

Previsibilidade: sua empresa vai reduzir custos

Com a instalação de um sistema de energia solar fotovoltaico você passa a economizar – e bastante, na conta de luz. O modelo de sistema de energia fotovoltaica permite que a luz solar seja usada para gerar sua própria energia elétrica, deixando de utilizar a energia da concessionária.

Além disso, caso sua empresa não consuma toda a energia gerada, o sistema passa a injetar o excedente na rede elétrica, gerando créditos energéticos.

Inteligência: melhor retorno para seu investimento

O sistema de energia solar fotovoltaica é um investimento que apresenta um retorno melhor do que qualquer aplicação de renda fixa. Tal rendimento chega a ser até duas vezes mais eficiente que aplicações comuns.

Excelência: valorização do seu negócio

O sistema solar fotovoltaico, além de eficiente e ecologicamente correto, valoriza sua empresa. Os equipamentos, ou painéis, de energia fotovoltaica duram em média 25 anos e a manutenção é fácil e barata. Na maioria das vezes é a própria água das chuvas a responsável pela limpeza dos painéis fotovoltaicos.

O Grupo Léros cuida de todo o processo

Economia sem investimento. Esse é o modelo de negócio do Grupo Léros, que se responsabiliza por todos os trâmites com a concessionária de energia e entrega o sistema pronto: homologado, instalado e em funcionamento.

No primeiro mês após a instalação dos painéis, você já visualizará os resultados para sua empresa. O Grupo Léros gerencia e produz energia para você crescer. Solicite hoje mesmo um estudo de viabilidade.

COMPARTILHE
REDAÇÃO
E-mail Facebook Twitter WhatsApp Pinterest