Fechar
NEWSLETTER
Quanto se perde por não reciclar o lixo?
Fechar
A reciclagem traz grandes vantagens para o meio ambiente e para as pessoas, tanto no âmbito social, quanto econômico.

O Brasil, por exemplo, perde R$ 3 bilhões ao ano por não reciclar os resíduos. Esse cálculo foi divulgado pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais no final do segundo semestre de 2018.

E como é possível economizar dinheiro e preservar os recursos naturais com a reciclagem? Veja alguns dados curiosos:

Volume de lixo

Você sabia que a prática da reciclagem diminui o volume de lixo jogado nos lixões em São Paulo? Além de aumentar a vida útil dos aterros, reciclar também diminui a quantidade de gases nocivos emitidos em nossa atmosfera.

Preservação de recursos naturais

A cada mil quilos de papel reciclado, 22 árvores deixam de ser cortadas. Além disso, gera economia de água, já que a produção de reciclado utiliza de 50 a 200 vezes menos água do que na produção de papel novo.

Transformação

A reciclagem do plástico preserva fontes não-renováveis, como o petróleo, além da redução do consumo de energia elétrica utilizada no processo de produção deste material. A Léros Green Tech é o braço do Grupo Léros que prima por deter tecnologia de ponta para reaproveitar resíduos plásticos sem serventia. O que seria lixo impróprio para o descarte é transformado em produtos petroquímicos e hidrocarbonetos líquidos. Uma reciclagem pioneira e de última geração. A Green Tech interage com fornecedores de matéria-prima como prefeituras, órgãos governamentais, indústrias, empresas de soluções e serviços ambientais, ONGS, agentes, Cooperativas, recicladores em geral e distribuidores de materiais reciclados.

A matéria-prima coletada junto a esses fornecedores são os plásticos já utilizados pela população, resíduos agrícolas, ou já industrializados, encaminhados à coleta de lixo. Eles são encontrados em aparas, retalhos, embalagens alimentícias ou de materiais de limpeza, sacolas, lâminas e placas, entre outros, compostos basicamente de polipropilenos, poliestirenos e polietilenos. Materiais que são separados do lixo limpo e orgânico que teriam como destino os lixões e aterros sanitários. Como saída sustentável e benéfica ao meio ambiente, o Grupo Léros transforma esses resíduos em hidrocarbonetos sintéticos, gases sintéticos e carvão que, desta forma, poderão ser reaproveitados por empresas geradoras de energia e indústrias químicas.

A reciclagem, além de deixar uma cidade mais limpa, preservar o meio ambiente e trazer benefícios para a economia do país, gera empregos para a população. A média é que a cada mil toneladas de lixo reciclado, cinco empregos são gerados. Solicite um estudo de viabilidade do Grupo Léros para a expansão do seu negócio.

 

 

COMPARTILHE
REDAÇÃO
E-mail Facebook Twitter WhatsApp Pinterest